buy drug alprazolam 1.5mg in florida purchase Meridia 10mg tablets online uk buy drug clonazepam 1mg with american express
 | 26 junho, 2020 - 11:24

TJRN nega recurso e mantém decretação de falência da Multdia

 

A 1ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte negou o agravo de instrumento impetrado pela Multdia Indústria e Comércio contra a decretação de falência em decisão judicial da 3ª Vara da Comarca de Macaíba. Por maioria de votos, os desembargadores seguiram o voto do relator Dilermando Mota. Segundo o acórdão

Reprodução

A 1ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte negou o agravo de instrumento impetrado pela Multdia Indústria e Comércio contra a decretação de falência em decisão judicial da 3ª Vara da Comarca de Macaíba.

Por maioria de votos, os desembargadores seguiram o voto do relator Dilermando Mota. Segundo o acórdão publicado, “compulsando os autos, verifico que o processo recuperacional está em tramitação há mais de quatro anos sem que a empresa tenha retornado às suas atividades e sem que tenha sido cumprido o plano de recuperação judicial, situação que, por si só, não pode continuar”, descreveu o relator.

Ainda segundo o relator, “foi constatado que houve o descumprimento das obrigações assumidas, há indícios de fraude processual, alguns bens da empresa não foram localizados, não houve transparência no fornecimento das informações contábeis e financeiras, bem como a empresa encontra-se paralisada por longo período”.

Por fim, ao negar recurso da empresa, Mota reforçou, “Assim, embora tenha inicialmente deferido o efeito suspensivo ao recurso, em melhor análise dos autos, entendo correta a convolação do pedido de recuperação judicial em falência, e que não houve cerceamento de defesa”.

Confira o acórdão


Leia também no Justiça Potiguar

Comente esta postagem:


Sitemap