| 12 setembro, 2019 - 09:12

Banco ignora decisão judicial e tenta abrir agência sem segurança em Natal

 

A agência resolveu retirar os caixas de atendimento presencial das agências e por conseguinte a porta rotatória e o vigilante que garantia a segurança

Foto: Divulgação

Nesta quinta-feira, 12 de setembro, o Sindicato dos Bancários fará um Ato Público na frente da agência Tirol do Santander, na capital potiguar,a partir das 8h. A agência foi fechada pelo Sindicato desde 3 de setembro porque o Banco resolveu retirar os caixas de atendimento presencial das agências e por conseguinte a porta rotatória e o vigilante que garantia a segurança de clientes e funcionários.

O Sindicato tentou de várias maneiras negociar com o Banco o retorno dos instrumentos de segurança, mas a empresa se nega a cumprir a lei de segurança bancária. O Banco tentou na Justiça um interdito proibitório para que o Sindicato não pudesse permanecer mais com o fechamento do banco, o que foi indeferido, em 5 de setembro, pelo juiz Zéu Palmeira Sobrinho da 10ª Vara do Trabalho. Mesmo assim, nesta quarta-feira, 11, o Banco chamou a polícia para obrigar a abertura da agência.

Vale lembrar que todo esse conflito se desenrola na mesma semana em que a Câmara Municipal de Natal derrubou o veto do prefeito ao o Projeto de Lei 111/2016, de autoria do ex-vereador Sandro Pimentel (PSOL), que obriga as instituições bancárias públicas ou privadas e as cooperativas de crédito localizadas no município de Natal, a contratar vigilância armada para atuar durante 24h, inclusive em finais de semana e feriados. 


Leia também no Justiça Potiguar

1 Comentários
  1. Banco ignora decisão judicial e tenta abrir agência sem segurança em Natal | Blog do BG

    12/09/2019 às 09:50

    […] Leia mais no Justiça Potiguar clicando aqui. […]

    Responder

Comente esta postagem:

Justiça Potiguar