| 21 novembro, 2019 - 09:16

MP pede prisão de ex-prefeito de Serra de São Bento que é afastado da chefia de gabinete do Município por improbidade administrativa

 

Francisco Erasmo foi afastado do cargo e poderá responder em ação penal.

O ex-prefeito e atual chefe de gabinete da Prefeitura de Serra de São Bento, Francisco Erasmo de Morais foi afastado do cargo pela Justiça por improbidade administrativa.

Reprodução

Desde quando era prefeito e hoje sendo sucedido pela filha na gestão municipal, o político responde a dezenas de processos judiciais junto com auxiliares. O MP havia pedido também a prisão do ex-gestor, mas o juiz não concedeu.

O caso atual segundo denuncia do MP acolhida pela Justiça é sobre o uso irregular de um veículo no valor de R$ 277 mil, valor esse sequestrado pela Justiça contra o réu e atuais cargos comissionados da Prefeitura.

Francisco Erasmo foi afastado do cargo e poderá responder em ação penal.


Leia também no Justiça Potiguar

Comente esta postagem:

Justiça Potiguar